17/06/2019

Carnes vermelhas e de aves são igualmente ruins para o colesterol

Redação do Diário da Saúde
Carnes vermelhas e de aves são igualmente ruins para o colesterol
Surpreendentemente, a carne branca faz tão mal ao colesterol quanto a carne vermelha.
[Imagem: CC0 Public Domain/Pixabay]

Crença científica

Contrariamente à crença longamente pelos especialistas, consumir carne vermelha e carne branca (de franco e outras aves) tem efeitos iguais nos níveis de colesterol no sangue.

Foi o que descobriu uma equipe do Hospital Infantil de Oakland, ligado à Universidade da Califórnia de São Francisco, ao comparar o consumo de carnes vermelhas, brancas e uma quantidade comparável de proteínas vegetais em dietas com e sem gorduras saturadas.

As carnes vermelhas e de aves induziram um aumento similar do colesterol. A pesquisa não incluiu a carne de peixe.

Além disso, esse efeito foi observado nas dietas que continham e que não continham altos níveis de gordura saturada, que, por si só, aumentaram o colesterol do sangue na mesma medida em todas as três fontes de proteína.

"Quando planejamos este estudo, esperávamos que a carne vermelha tivesse um efeito mais adverso nos níveis de colesterol no sangue do que a carne branca, mas ficamos surpresos que esse não fosse o caso - seus efeitos sobre o colesterol são idênticos quando os níveis de gordura saturada são equivalentes," resumiu o professor Ronald Krauss.

Proteínas vegetais

As carnes estudadas envolveram apenas aquelas de animais criados ao menos parcialmente com rações e excluíram produtos processados, como bacon ou salsicha. Os peixes também ficaram de fora.

Mas os resultados foram notáveis, já que indicaram que restringir completamente a carne, seja vermelha ou branca, é mais aconselhável para reduzir os níveis de colesterol no sangue do que se pensava anteriormente.

Os resultados indicam que as proteínas vegetais são as mais saudáveis para o colesterol no sangue.

Mas há outros efeitos a serem levados em conta, uma vez que a carne vermelha já se mostrou associada a outras questões de saúde.

"Nossos resultados indicam que os conselhos atuais para restringir a carne vermelha, mas não a carne branca, não devem se basear apenas em seus efeitos sobre o colesterol no sangue," disse Krauss. "De fato, outros efeitos do consumo de carne vermelha podem contribuir para doenças cardíacas, e esses efeitos devem ser explorados com mais detalhes em um esforço para melhorar a saúde".

O estudo foi publicado no American Journal of Clinical Nutrition.


Ver mais notícias sobre os temas:

Alimentação e Nutrição

Coração

Sistema Circulatório

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2019 www.diariodasaude.com.br. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.